5 esportes de aventuras para você viver no Vale Sagrado dos Incas

Este artigo é para os apaixonados por desafios esportivos, você é um desses? Pois se prepare, o Peru vai te encantar mais uma vez, proporcionando inúmeras aventuras, basta que você, entusiasta em adrenalina, as escolha.

Além das trilhas mais famosas do mundo como as Trilha Inca, Trilha Salkantay, Trilha Lares ou a Trilha da Montanha Colorida, sem esquecer as longas caminhadas que Huaraz apresenta no Parque Nacional Huascarán, para observação dos maravilhosos visuais para as lagunas azuis, outros 5 esportes de aventura podem ser vivenciados no Peru, mais precisamente no Vale Sagrado dos Incas:

#1 Ciclismo de montanha

Este tour é uma alternativa diferente para conhecer Moray e as Salineiras de Maras, e será um lindo passeio pela natureza vibrante que a região oferece. Geralmente, para realizar este passeio, segue-se de veículo até um vilarejo chamado Cruzpata, para depois seguir viagem pedalando por entre belíssimas paisagens. Vale lembrar que os equipamentos de segurança e a bicicleta estão incluso no pacote, e é obrigatório usá-los.

O primeiro trecho, segue por cerca de uma hora e meia na bike, sem grandes dificuldades, somente algumas subidas até chegar em Moray, aquelas famosas e características plataformas concêntricas. Uma oportunidade diferente de apreciar a paisagem de grande parte do Vale Sagrado dos Incas, sobre duas rodas.

Depois disso, mais uns 40 minutos no pedal, por descidas em trilhas, até Maras, cidade que dá acesso às Salinas, pedalando por mais uns 30 minutos, em uma aventura mais desafiadora, por uma trilha bastante acidentada, mas que irá divertir bastante. Nas Salineiras será a hora de descansar e contemplar as belezas brancas desses tanques de sal e de toda essa região montanhosa.

veja aqui dicas e recomendações para o Peru.

#2 Rafting no Rio Urubamba

O Rio Urubamba é aquele que corta o Vale Sagrado dos Incas, passando por diversos vilarejos, trechos de matas nativas, animais, trilhas, sítios arqueológicos e muito mais. É nele que uma aventura incrível dentro de um bote pode ser realizada com segurança e diversão.

Alguns trechos do Urubamba são navegáveis, com possibilidade de enfrentar corredeiras bastante desafiadoras. Os equipamentos de segurança, remos e o bote são fornecidos pela agência contratada para realizar o passeio.

Todo o tour tem duração para o dia todo, entre saída do hotel, chegada ao local apropriado do rio para começar a flutuação, explicações dos guias, rafting e retorno. Durante o rafting, haverão diferentes níveis de dificuldade por entre corredeiras de classe II à IV dependendo da época do ano.

Além da emoção, você poderá apreciar as belezas que a natureza peruana tem, às margens do Urubamba, contemplando plantações típicas, montanhas imponentes e lugares remotos.

#3 Tirolesa

Quer apreciar do alto as belezas do Vale Sagrado? A tirolesa é a sua oportunidade!

Será uma experiência muito divertida, deslizando por diversos cabos entre Urubamba e Ollantaytambo, um percurso de cerca de dois quilômetros, sobrevoando o Vale com total segurança e encantamento.

A tirolesa consiste em roldanas que deslizam por um cabo suspenso entre as montanhas do Vale, as quais sustentam as pessoas, as fazendo resvalar por descidas e inclinações naturais, entre as suas belezas magníficas. Ao longo do caminho, voando sobre montanhas e árvores, desfrute do visual estonteante.

#4 Cavalgadas

Passeio com cavalos também é um jeito diferente de conhecer o Vale, partindo de Cusco, explorando colinas, vales e matas nativas. Oportunidade de presenciar as belezas dos Andes com vistas espetaculares ao longo do caminho

Algumas paradas para conhecer os sítios arqueológicos de Qenqo, Puca Pucara, Sacsayhuaman, Tambomachay e outros. A cavalgada dura cerca de 5 horas, por uma excursão guiada para contemplação da sublime natureza.

Este passeio pode seguir pelas margens do Rio Urubamba, observando a natureza vivaz que este rio oferece, cortando todo o vale.

#5 Escaladas

Essa aventura parte de Cusco em transporte até Cachimayo, onde se realiza uma pequena caminhada até as paredes próprias para escalada. As agências fornecem equipamentos de segurança necessários para você curtir desafios em graus variados de dificuldade por cerca de 15 a 30 metros de altura.

É um atrativo que exige maior esforço, por isso é necessário bom preparo físico para subir as rochas, enquanto admira todas as maravilhas que o Vale oferece como o rio Urubamba, as montanhas, as matas, os animais e muito mais.

A Viagens Machu Picchu recomenda, e lembra sobre a importância de estar aclimatado, pois são passeios que exigem bastante agilidade e fôlego, o que parece ser fácil realizar no Brasil, lá no Peru, pela a altitude elevada, o cansaço é multiplicado. Porém é fácil cuidar para que o soroche, o mal da altitude, não atrapalhe seus passeios. Para isso, passe pelo menos 2 ou 3 dias sem muito esforço em Cusco, bebendo bastante água e chá de coca.

confira nossos pacotes com trilhas no Peru.

Deixe uma resposta