Tour no Vale Sagrado dos Incas em Português: Dicas e Informações!

Conhecer o Peru é surpreender-se a cada destino, seja pela história, pela cultura, pela culinária, pela simpatia do povo ou pelas belezas naturais. Mas, este post é sobre um lugar que tem um pouquinho de cada uma dessas coisas, o místico Vale Sagrado dos Incas que, assim como a cidadela perdida de Machu Picchu, é destino certo para quem visita o Peru. Simplesmente por ser um dos lugares mais incríveis, guardando parte da importante história desta civilização antiga. Mas, você tem ideia do porque este lugar era considerado sagrado e de extrema importância para o povo Inca? Deixe que nós explicamos, em resumo: sacerdotes, na era incaica, afirmavam que o Vale era a projeção da Via Láctea, onde se encontravam as constelações mais sagradas para os Incas. A população enxergava o lugar como um reflexo do céu na Terra, e tudo que era feito e construído por ali era pensado para ter harmonia e sintonia com a Via Láctea. Além disso, era uma região muito fértil, devido a sua localização estratégica e seu clima perfeito para o cultivo de alguns produtos agrícolas. O Vale Sagrado dos Incas está localizado perto de Cusco, a aproximadamente 1 hora da cidade. Sua área se prolonga por quase 100 quilômetros, se iniciando em Pisac e terminando em Machu Picchu. Porém, o tour passa por alguns outros pontos interessantes, como Ollantaytambo e Urubamba. Estando a mais de 2.800 metros acima do nível do mar, o vale presenteia o visitante com paisagens lindas, rica flora e fauna, montanhas e riachos (entre eles o Rio Urubamba, que contorna toda a região). Ao longo do caminho é possível encontrar construções que um dia serviram de espaços para rituais e que eram centros administrativos. Então, já deu para ter uma noção do porque este local é tão especial, não é?! Se você está pensando em viajar para o Peru, continue lendo esta matéria, que fizemos para te dar algumas dicas sobre o tour no Vale Sagrado dos Incas e algumas informações importantes, que você precisa saber antes de embarcar. Vamos lá?

DICAS PARA APROVEITAR AO MÁXIMO SEU PASSEIO PELO VALE SAGRADO DOS INCAS

• Escolha bem o hotel: A primeira dica que damos é sobre hospedagem. O ponto de partida para o passeio pelo Vale Sagrado é a cidade de Cusco, então com certeza você ficará uns dias hospedados na cidade imperial. Por isso, recomendamos sempre que opte por hotéis localizados na parte central da cidade, próximo a Plaza de Armas, assim você poderá passear a pé por Cusco, além de facilitar os transfers para os passeios. A maioria dos hotéis da região são bons e confortáveis, mas os melhores são da rede Belmond e o Plácio del Inka. O atendimento é impecável, a decoração é requintada, a localização é excelente e você ainda conta com alguns serviços exclusivos oferecidos dentro do próprio hotel. Mas, uma dica valiosa que damos é: se você tiver a oportunidade, se hospede por um ou dois dias em um hotel localizado no meio do Vale Sagrado dos Incas. Temos certeza que sua experiência será outra e muito mais especial. Um dos melhores hotéis da região é o Belmond Rio Sagrado, localizado as margens do Rio Urubamba, tendo uma vista maravilhosa e privilegiada do vale.
Um dos grandes diferenciais deste hotel é que ele possui estação de trem própria, ou seja, você embarca no trem para Machu Picchu com máxima comodidade e conforto, sem precisar sair do hotel. Além disso, o hotel oferece aulas de ioga, piscina, passeio a cavalo, rafting no rio, sauna, spa com grande variedade de massagens, lojas e muito mais. Isso sem falar nos restaurantes internos, que servem às visitantes opções de pratos variados, deliciosos e requintados.

• Visite também Moray e Salineiras de Maras: Apesar de também estarem localizados no Vale Sagrado dos Incas, este tour é realizado separado. E é lindo e em um único dia você conhece estas duas atrações. Este tour se inicia em Cusco, assim como os demais. O Sítio Arqueológico de Moray é formado de 4 plataformas circulares, que eram utilizadas como uma espécie de laboratório agrícola Inca, pois cada uma das plataformas possui microclimas em seus degraus, o que possibilitava o cultivo de diferentes produtos. Este é um projeto engenhoso e inteligente desta civilização que tem muito a nos ensinar. Certamente você irá se surpreender, tanto com a vista quanto com a história. Já as Salineiras de Maras impressiona pela paisagem diferente de tudo que você já viu. O cenário é composto por mais de 3 mil poças de águas, utilizadas ainda hoje para extrair o sal. Cada poça pertence a uma família local e quem visita a salineira tem a oportunidade de ver de perto o trabalho que é realizado nelas. O sal extraído abastece Cusco e também é importado para outros países do mundo.
Veja aqui um pacote de viagem para o Peru incluindo o Tour nas Salineiras de Maras e Moray.

• Tour no Vale Sagrado dos Incas guiado em português: A última dica que separamos para você é: contrate uma agência local e especializada no destino escolhido. Contratando a Viagens Machu Picchu, por exemplo, o passeio pelo Vale Sagrado é realizado com um guia local, com alto conhecimento da história e da cultura dos lugares e do povo e que é fluente em português, assim você não vai perder nenhum detalhe ou informação importante.  Além disso, nossa equipe consegue montar um pacote de viagem personalizado para você, incluindo os destinos que mais deseja conhecer. Durante a viagem você terá assistência 24 horas. Os traslados durante os passeios estão inclusos no valor, bem como alguns ingressos e entradas. Ou seja, você não se preocupa com nada, aliás, se preocupa apenas em registrar todos os momentos e aproveitar ao máximo cada dia da viagem.

COMO FUNCIONA O TOUR PELO VALE SAGRADO DOS INCAS?

Agora que você já anotou as nossas dicas, que tal saber como funciona o passeio pelo Vale Sagrado dos Incas? Sim, vamos te mostrar aqui todos os lugares por onde ele passa e o que você vai conhecer durante este dia cheio de aprendizado. Olha só: O passeio começa conhecendo o Museu de Tecelagem e depois segue até o Centro Arqueológico de Pisac, onde é possível observar alguns terraços feitos pelos Incas. Aqui você terá um tempo livre para conhecer o lindo Mercado Artesanal de Pisac e interagir com os moradores locais, entrando em contato com a cultura peruana. Este é um ótimo lugar para comprar lembrancinhas da viagem. Saindo de Pisac, vamos a Urubamba, onde será servido o almoço. E enfim, seguimos para Ollantayambo, onde você poderá andar pelas ruas e imaginar como era o lugar durante o Império Inca. Este povoado era um centro militar, religioso e cultural para a civilização inca. Logo após, nossa equipe irá te orientar para o embarque no ter com destino a Aguas Calientes, povoado que está localizado aos pés da cidadela de Machu Picchu. E assim se encerra este dia de passeio pelo Vale Sagrado dos Incas. Para ver nossos pacotes de viagem para o Peru e mais informações sobre os roteiros, acesse nosso site. Todos eles incluem o tour pelo vale sagrado.

Esperamos que estas informações tenham sido úteis para te ajudar a programar o seu roteiro de viagem para o Peru. Caso tenha alguma dúvida, nossa equipe de especialistas está a sua disposição. Não deixe de conferir outras matérias sobre outros destinos do Peru no nosso blog. Você vai encontrar dicas valiosas sobre a viagem, melhor época para ir, o que fazer, curiosidades e muito mais.

Deixe uma resposta