Palavras Gírias Peruanas que Você Precisa Saber Antes de Viajar!

Sabemos que muitas pessoas deixam de viver experiências de viagens internacionais por medo do idioma, de não conseguir se comunicar. Bem, esta é uma das vantagens de escolher países da América do Sul para viajar, pois o idioma oficial é o espanhol e bastante parecido com o português.

Além disso, no Peru especificamente, a população local costuma ser bastante simpática e hospitaleira com os turistas, por isso perguntar informações e até mesmo pedir para falar mais devagar, não é um problema no país. Muitas agências de viagens, como a Viagens Machu Picchu, também oferecem guias locais fluentes em português nas cidades de Lima, Cusco e Machu Picchu, o que facilita ainda mais a comunicação. Apesar destas facilidades, sabemos que cada lugar tem suas gírias e expressões de linguagem, aquelas palavras utilizadas pela população local, que um turista dificilmente terá conhecimento sobre. Por isso, com a intenção de te ajudar na sua viagem para o Peru, separamos aqui algumas destas palavras, que certamente você ouvirá os peruanos falando. Pegue caneta e papel para anotar e não esquecer da nossa listinha:

  • Bacán: esta palavra é utilizada para expressar algo bom. É como “ótimo”, “incrível”, “muito bom”, também pode ser usada para concordar com alguma coisa.
  • Luca: esta é uma palavra utilizada para substituir o nome da moeda local, chamada Nueno Sol ou Soles.
  • Cocos: já “cocos”, é como os peruanos chamam a moeda americana, o dólar.
  • Pata: esta gíria peruana significa “amigo”, alguém que se pode confiar e contar a qualquer momento.
  • Tono: palavra utilizada para referir a uma “festa para dançar”. Ou seja, se for quiser se divertir quando for para o Peru, pergunte por um “tono”.
  • Rubia: os peruanos muitas vezes se referem a cerveja como “rubia”.

Algumas outras expressões que você também pode ouvir quando estiver viajando no Peru:

  • Que piña: que quer dizer como “que falta de sorte”, “que má sorte”.
  • Que palta: expressão usada para expressar vergonha, como “que vergonha”.
  • Qué paja: frase que expressa animação, como “que bom”, “que lindo”.
  • No seas sapo: expressão usada para dizer para alguém não se intrometer, algo como “não seja intrometido”.
  • Al toque: frase que quer dizer “agora mesmo” ou “imediatamente”.

Existem muitas maneias de viver e aprender sobre a cultura de um país, e a linguagem é um deles, por isso é tão interessante tentar interagir com as pessoas locais, aprender gírias e palavras novas, entender como o povo se expressa, quais são seus costumes, como é o dia-a-dia. Isto torna a viagem mais especial, com uma experiência mais intensa. Então, quando for ao Peru, converse com seu guia, com comerciantes, atendentes… aproveite todas as oportunidades para conhecer melhor a cultura, tire dúvidas e absorva o máximo de conhecimento. Temos certeza que será uma viagem inesquecível! Aproveite nossos pacotes em promoção para Peru.

Continue lendo mais curiosidades sobre o país milenar dos incas no nosso blog.

Deixe uma resposta