Perguntas Frequentes Sobre Viagem e o Corona Virus!

Este é um momento de muitas dúvidas e incertezas para todos, pensando nisso vamos responder aqui algumas das perguntas mais frequentes sobre viagem em tempos de corona vírus. Esperamos ajudar de alguma maneira:

Quais as medidas que o governo peruano está tomando para evitar a propagação do corona vírus?

O Peru foi um dos primeiros países da América do Sul a colocar a sua população em quarentena. No dia 16 de março o governo peruano, comandado pelo presidente Martin Vizcarra, fechou as fronteiras, e ordenou que as pessoas só saíssem de casa para tarefas essenciais e decretou toque de recolher em todas as cidades em momentos diferentes. Recentemente o presidente estendeu por mais 30 dias o período de isolamento, ou seja, a quarentena no Peru, até o momento, se estende até o dia 31 de julho. Seguimos aguardando mais informações. Outra informação importante é que o Peru foi um dos países da América Latina que mais realizou testes de rastreamento de covid-19.

O Peru ainda está de quarentena?

Sim! As fronteiras e os pontos turísticos do Peru seguem fechados até a presente data (06/07/2020) e a população é orientada a manter o isolamento social. O presidente pretendia reabrir as atrações turísticas do peru no dia 1 de julho mas acabou estendendo esta data até o final do mesmo mês. Qualquer outra notícia oficial relacionada ao assunto divulgaremos em nossos outros canais de comunicação, como Instagram e Facebook, por isso não deixe de nos acompanhar por lá também.

Quando será seguro viajar para o Peru?

Infelizmente não podemos dizer uma data com precisão, mas esperamos que seja em breve. Torcemos para que a situação se normalize o quanto antes para que possamos voltar a apresentar as belezas peruanas para todos os nossos clientes. Como dito acima, a previsão para o final da quarentena é para dia 31 de julho e este seria o primeiro passo para a retomada do turismo no país.

É possível comprar um pacote de viagem agora?

Claro! Com a Viagens Machu Picchu você pode comprar seu pacote de viagem para Machu Picchu agora e deixar a data em aberto para 2020 ou 2021, escolhendo a data da viagem mais para frente, quando achar seguro embarcar conhecer as cidades de Cusco, Arequipa, Lima. Aproveite este período para pesquisar por promoções e condições especiais. Só compre de agências de viagem confiáveis e que estão preocupadas primeiramente com a sua saúde e segurança.

Eu consigo remarcar ou cancelar minha viagem?

Antes de tudo é preciso dizer a importância de não cancelar de imediato a sua viagem. Remarcando você ajuda as agências e profissionais de turismo a superar esta fase, já que o setor foi um dos mais afetados pela pandemia. Muitas agências estão oferecendo condições especiais para o momento, como reagendar sem nenhum custo adicional, descontos e muito mais. Aproveite para negociar com seu agente de viagem, converse para que juntos cheguem a um acordo favorável a ambas as partes.

Quero remarcar meu pacote de viagem, mas consigo remarcar os voos também?

Segundo o Procon (Programa de Proteção e Defesa do Consumidor), os passageiros têm o direito de alterar a data da passagem sem custo. Já a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), diz que, para remarcar, o cliente precisa seguir as mesmas regras e tarifas do momento da compra. Quando a iniciativa parte do passageiro, a recomendação é entrar em contato com a empresa responsável e negociar a nova data e os termos. Não há regras específicas para a remarcação, pois isto depende de cada companhia e da categoria em que a passagem se enquadra. O que sabemos é que, diante desta situação extraordinária, as empresas estão facilitando todo este processo e deixando as regras mais flexíveis, então o ideal é fazer contato com a companhia para juntos entrarem em um acordo. Nos casos em que o voo foi cancelado pela própria companhia aérea, o cliente também tem o direito de pedir para remarcar ou solicitar o reembolso do valor.

Quais as orientações do Ministério do Turismo?

Quem estrar no site do Ministério do Turismo do Brasil encontrará a sua disposição um manual (clique aqui para acessar) elaborado por eles com dicas e formas de prevenção, relacionadas ao turismo e corona vírus. O manual pode ser acessado gratuitamente e tem informações para todo tipo de situação: para quem estava no exterior e retornou ao país, para quem tem viagem marcada, para quem não consegue retornar ao seu país, e outras. Também é possível ter acesso a um aplicativo desenvolvido pelo Ministério da Saúde com ainda mais dicas. Já escrevemos um post especial aqui no blog sobre as recomendações do Ministério do Turismo, que você pode ler clicando aqui.

E aí, tem mais alguma dúvida sobre o assunto? Entre em contato com a nossa equipe que estamos a sua disposição para esclarece-las.

Deixe uma resposta